Você está aqui:

Emissão CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social) 1ª e 2ª vias

Atualizado em 24/01/2018 às 16:09

Descrição

O requerente terá 60 dias, a contar da data marcada para a entrega da carteira, para comparecer à Unidade de Atendimento do SINE ou UAI. Após esse prazo, os protocolos que se encontrarem pendentes terão seus registros cancelados, e o trabalhador terá que refazer todo o processo.

Nas Unidade de Atendimento do SINE de Belo Horizonte, Ipatinga (Prefeitura), Viçosa e Unidades de Atendimento Integrado é necessário agendar o atendimento via internet (link disponível abaixo). Nas demais unidades, não é necessário agendamento prévio.

Caso o trabalhador não possa comparecer na data e horário agendados, deverá desmarcar o seu agendamento.

Importante: Comparecimento na Receita Federal para verificar divergências de dados: nome, data de nascimento, nome da mãe. A fabricação da CTPS ficará pendente em casos de cadastros divergentes.

Trabalhadores estrangeiros deverão comparecer na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), na Rua Curitiba, 832 – Centro, 2º andar, no período da manhã (das 09h às 11h).

Para retificação, é necessário o agendamento nas UAI e nos postos SINE que atendem apenas agendados, uma vez que é necessária a emissão de 2 ª via para retificar.

Clique aqui para agendar seu atendimento presencial para este serviço.

 

Documentos necessários

1ª via:

  • CERTIDÃO DE NASCIMENTO, se solteiro (original ou cópia autenticada).
  • CERTIDÃO DE CASAMENTO, se casado (original ou cópia autenticada).
  • CERTIDÃO DE CASAMENTO COM AVERBAÇÃO, se divorciado ou separado (original ou cópia autenticada).

A certidão é necessária para comprovação obrigatória de estado civil

  • IDENTIDADE ou outro documento oficial de identificação que contenha: nome do interessado, filiação, data, município e estado de nascimento, nome e número do documento e órgão emissor com data da emissão (original ou cópia autenticada). O documento de identificação deve estar de acordo com as informações da certidão apresentada.

CNH não é aceita como documento de identificação para emissão da CTPS

  • CPF ou Comprovante de Situação Cadastral da Receita Federal, ou número do CPF na Carteira de Identidade;
  • Comprovante de residência com CEP (original);
  • Nas Unidades de Atendimento ao Trabalhador (UAT), bem como nas Unidades de Atendimento Integrado a foto é tirada gratuitamente no guichê de atendimento.

 

2ª via: 

  • CERTIDÃO DE NASCIMENTO, se solteiro (original ou cópia autenticada).
  • CERTIDÃO DE CASAMENTO, se casado (original ou cópia autenticada).
  • CERTIDÃO DE CASAMENTO COM AVERBAÇÃO, se divorciado ou separado (original ou cópia autenticada).

A certidão é necessária para comprovação obrigatória de estado civil

  • IDENTIDADE ou outro documento oficial de identificação que contenha: nome do interessado, filiação, data, município e estado de nascimento, nome e número do documento e órgão emissor com data da emissão (original ou cópia autenticada). O documento de identificação deve estar de acordo com as informações da certidão apresentada.

CNH não é aceita como documento de identificação para emissão da CTPS

  • CPF ou Comprovante de Situação Cadastral da Receita Federal, ou número do CPF na Carteira de Identidade;
  • Comprovante de residência com CEP (original);
  • Nas Unidades de Atendimento ao Trabalhador (UAT), bem como nas Unidades de Atendimento Integrado a foto é tirada gratuitamente no guichê de atendimento.
  • Documento que comprove o número da CTPS (extrato do PIS ou FGTS com número de série da CTPS e UF, cópia da ficha de registro de empregado com carimbo do CNPJ da empresa, ou requerimento do seguro desemprego, ou termo de rescisão do contrato de trabalho homologado pelo sindicato de classe, ou Ministério do Trabalho ou Ministério Público ou Defensoria Pública ou Juiz de Paz) nos casos de perda, furto, roubo ou extravio de CTPS;

Observação: Os documentos devem estar em perfeito estado de conservação e com fotografia que identifique o requerente. Não serão aceitos documentos danificados, rasurados, incompletos, replastificados ou abertos.

 

Documentos Complementares:

  • No caso de emissão de via de continuação da CTPS, apresentar a CTPS anterior, onde deverá ser comprovado o preenchimento total dos espaços de pelo menos um dos campos.
  • No caso da emissão de 2ª via por Inutilização da via anterior, ou seja, a que apresentar emendas, rasuras, falta ou substituição de fotografia, não contiver a data de expedição do documento, assinatura do emissor, assinatura do interessado, apresentar: 

I - CTPS inutilizada;

II - Apresentar comprovante do número da CTPS inutilizada, caso ele não esteja legível no próprio documento apresentado.

  • No caso de perda, furto, roubo ou extravio apresentar:

I - Boletim de ocorrência policial.

Valor

Gratuito.

Órgão responsável

Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social - SEDESE