Você está aqui:

A Cidade de Sabará

Atualizado em 17/02/2017 às 09:02

A Cidade de Sabará

Uma das mais tradicionais cidades mineiras, Sabará foi importante na época da exploração do ouro em Minas Gerais.

Sua descoberta é contestada entre historiadores. Não há consenso de que o bandeirante paulista Manoel de Borba Gato tenha sido o desbravador da região. Alguns especialistas apontam Manoel Afonso Gaia como o primeiro povoador. Certo é que Borba Gato fundou a então Vila Real de Nossa Senhora da Conceição de Sabarabussu, em 1711.

A vila foi um dos maiores produtores de ouro da Coroa portuguesa, tanto que recebeu a Casa da Intendência para a cobrança do quinto (o imposto de 20% que o governo português cobrava de toda a extração mineral na colônia).

A produção era tanta que a cidade alcançou prestígio e riqueza. Recebeu, como prova, de d. Pedro 1º o nobre título de Fidelíssima, em 1823. Em 6 de março de 1838, foi elevada à categoria de cidade, quando recebeu o nome de Sabará.

Em virtude da sua alta produção de ouro, a cidade possui rico acervo sobre o período, em museus e igrejas.

Sabará está localizada a 19 km da capital Belo Horizonte e possui 133.225 habitantes (Fundação João Pinheiro, estimativa 2006).

Fonte: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros (IBGE, 2000).